Ressignificando momentos: South African Fashion Week com Armando


 Na quarta-feira do dia 22 de abril, teria sido a noite de abertura da South African Fashion Week. Infelizmente, como vários outros eventos ao redor do mundo, a edição de 2020 foi cancelada devido à COVID-19. Quando recebi a notícia de que o evento seria cancelado a decepção foi imensa. Este ano, sendo um colaborador do blog “Da Dança Para a Vida”, eu tinha recebido o convite para participar todos os dias do evento com Credenciamento de Impresa, representando a Labè.

Eu sou apenas um amante da moda, e apesar de me considerar completamente leigo no assunto eu amo profundamente a arte e o “business”. Além de tudo, eu estava muito empolgado em poder participar do evento de uma forma mais profissional. Acreditava que poderia ser muito bacana poder discutir com a Bella,  um pouco sobre os trabalhos de moda, do país em que vivo altualmente. Em abril de 2019 eu tive a oportunidade de assistir ao evento pessoalmente pela primeira vez, e achei tudo muito incrível.

Desde os meus 17 anos de idade, em uma de minhas visitas à Vitória, Bella conseguiu ir me arrastando gentilmente para esse mundo maravilhoso. Eu me lembro de ter tido o meu primeiro profundo contato com a moda quando comecei a folhear alguns livros da estante do quarto dela. O amor foi sendo construído, e hoje eu dou um valor imenso para o negócio. Dali em diante passei a escolher minhas roupas com mais antenção e carinho, pois percebia que um trabalho extremamente meticuloso estava por trás daquele tecido, mais ainda, entendi que quando estou escolhendo uma peça, de uma certa forma, eu estou construindo uma imagem que transmite muito da minha personalidade.

Bom, os dias foram passando, e em meio à pandemia, a organização do evento decidiu criar um plano B. Anunciaram que o show iria continuar, mas de uma forma unicamente digital, respeitando as necessidades exigidas pelo Corona Vírus. Na então esperada noite de abertura, a diretora executiva do evento, Lucilla Booyzen, comentou em seu video-discurso nas redes sociais, como os estilistas, clientes, fotógrafos, estariam bebendo os primeiros ‘drinks’ naquele noite, comemorando e prestigiando os trabalhos apresentados na passarela, e é claro, comentado qual estilista estavam vestindo. Ela acrescentou dizendo “A moda nunca desaponta”, e realmente não desapontou.

Naquele momento, tive um “clique”, percebi que era  hora de ressignificar! Minha frustração em não poder ir ao evento foi substituida pela felicidade de que no formato online, distância entre Brasil e Africa não  existiam, as cinco horas de diferença de fuso eram insignificantes, Bella poderia assistir aos desfiles junto comigo.

 

E assim fizemos! Enquanto ela esperava o almoço ficar pronto, eu esperava pela janta. Ela comia amendoim, e eu chocolate.

Assistimos “3 dias” da programação do evento, que no caso transmitiu edições passadas. Comentamos, criticamos, analisamos, e o mais interessante, pausamos em determinados momentos para podermos fazer maiores reflexões sobre cada peça, o que não seria possível ‘ao vivo’.

Na primeira noite, eu pude apresentar um pouquinho do trabalho de Gert-Johan Coetzee para Bella, um dos mais respeitados estilistas sul-africano,  que eu admiro muito, e que este ano celebra 10 anos de participação no SAFW. A coleção de luxo de Gert foi apresentada ao som da ópera Carmen, do compositor George Bizet, minha ópera favorita. Sua coleção de luxo nos mostrou uma inteligente e linda junção das cores laranja e preto, para o Outorno-Inverno.

Assistimos a brilhantes marcas, e o que mais me deixou impressionado foi a descoberta de alguns gostos que eu e Bella temos em comum, como por exemplo a coleção de ROQ Men Africa, House Of Lucent, ARTCLUB and Friends, Selfi, Ntando XV. Mas a coleção da marca que realmente nos deixou de “boca aberta”, e que nós dois ficamos apaixonamos em todos os detalhes foi a De Mil Clothing.

Por fim,  para quem achou que não iria aos desfiles, terminar assistindo na primeira fila, comendo chocolate ao lado da amiga que me apresentou esse universo foi fantástico!

Sem dúvidas, viver essa experiência me mostrou que estarmos abertos para nos adaptar e ressignificar os momentos, em meio às adversidades do tempo que vivemos, pode ser prazeroso e surpreendente.

 

Armando Barros

 

Dia 1 - Gert-Johan

https://youtu.be/hxQxDYtHnlA

Dia 4

https://youtu.be/mQD6xoP8Ht0

Todos os desfiles

https://youtu.be/P6F8L81JL7Y


Confira Nossos Produtos